Ilan Goldfajn diz que economia do Brasil terá ‘recuperação consistente’ em 2018, mas ainda há fatores de risco.

Segundo o presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn, o cenário para 2018 terá “recuperação consistente” da economia e com a inflação em direção à meta oficial. Porém, ele afirmou que há fatores de risco para a recuperação e que o país deve persistir em agenda de ‘ajustes e reformas’ para manter inflação baixa. No início deste mês, o Banco Central desacelerou o passo e cortou a taxa básica de juros, a Selic, em 0,25 ponto percentual, à nova mínima recorde de 6,75% ao ano, e sinalizou o fim do ciclo de afrouxamento na Selic devido à melhor recuperação da atividade econômica no país. Ilan também reforçou que “o cenário internacional encontra-se benigno, mas não podemos contar com essa situação perpetuamente”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Close