GOIÁS

TJ-GO COMEÇA FORÇA-TAREFA PARA JULGAR CASOS DE PRESOS PROVISÓRIOS QUE ESTÃO HÁ MAIS DE 180 DIAS ENCARCERADOS

TJ-GO COMEÇA FORÇA-TAREFA PARA JULGAR CASOS DE PRESOS PROVISÓRIOS QUE ESTÃO HÁ MAIS DE 180 DIAS ENCARCERADOS

O Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO) começa, nesta segunda- feira (2), uma força-tarefa para apreciar e julgar processos de presos provisórios que estão em regime fechado há mais de 180 dias. De acordo com
dados do Banco Nacional de Monitoramento das Prisões (BNMP), dos mais de 7 mil presos provisórios, 1.866 estão encarcerados há mais de seis meses.

A ação faz parte da solicitação feita pela presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e do Supremo Tribunal Federal (STF), a ministra Cármen Lúcia. Conforme dados do BNMP, o total de presos em Goiás é de 18.364,
sendo que 7.010 estão presos provisoriamente. Segundo o TJ-GO, 6,8 mil detentos provisórios estão com processos ainda em primeiro grau, e os outros 205, em segundo grau. Este mutirão ocorre, simultaneamente, em Goiás, Roraima e Sergipe. Conforme o tribunal, os três estados serão os primeiros a começar a iniciativa.

Clique para adicionar um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GOIÁS

Mais em GOIÁS

Chapada dos Veadeiros é concedida à iniciativa privada

Suzana Ferreira19 de dezembro de 2018

Saneamento básico é tema de audiência pública

Suzana Ferreira18 de dezembro de 2018

PROGRAMA JM NEWS EDIÇAO 08-08-2018

Reportagem Metrópole8 de agosto de 2018

Morre no HDT a 6º vítima de H1N1 em Goiás

Reportagem Metrópole9 de abril de 2018

Restaurante Cidadão da Avenida Goiás reabre ao público nesta quarta

Reportagem Metrópole27 de março de 2018

Bispo e padres são presos por desvios de recursos de igrejas

Reportagem Metrópole19 de março de 2018

MULHER ATEA FOGO EM CARRO COM ESTUDANTE DENTRO

Reportagem Metrópole16 de março de 2018

Tigre pega o Ferroviário pela Copa do Brasil

Reportagem Metrópole1 de março de 2018

Violência doméstica é tema na Semana Nacional da Justiça Pela Paz em Casa.

Reportagem Metrópole26 de fevereiro de 2018